Temos independência editorial mas podemos receber comissões se você adquirir uma VPN usando nossos links.

As melhores VPNs para Disney Plus e o que fazer se sua VPN não funcionar

Callum Tennent supervisiona como testamos e analisamos os serviços de VPN. Ele é membro da IAPP e seus conselhos sobre VPN foram apresentados na Forbes e na Internet Society.

Verificado por Simon MiglianoTestes adicionais por David Hughes

Usar uma VPN é a melhor forma de assistir a conteúdo restrito geograficamente no Disney Plus em todos os países, mas o serviço de streaming detecta e bloqueia várias conexões VPN. Veja o que fazer se a sua VPN para Disney+ não funcionar e quais VPNs recomendamos para sempre contornar os bloqueios geográficos do serviço.

The best VPN for Disney Plus

Guia rápido: como desbloquear o Disney+ com uma VPN

  1. Adquira uma VPN que acesse o Disney+. Recomendamos a Surfshark, que é a mais eficaz para desbloquear o Disney+ EUA.
  2. Baixe, instale e execute o software da VPN no(s) dispositivo(s) que preferir.
  3. Conecte-se a um servidor VPN em um país com acesso ao Disney+. Veja aqui onde o Disney+ está disponível.
  4. Abra o site ou aplicativo do Disney Plus e acesse sua conta.

Caso esteja em um país onde o Disney+ ainda não foi lançado, ou quiser acessar títulos indisponíveis na sua região, precisa usar uma rede virtual privada (VPN) para contornar as restrições geográficas da Disney.

Como a maioria das plataformas de streaming com restrições geográficas, o Disney+ restringe o acesso ao conteúdo com base na localização do seu endereço IP. Uma VPN permite que você altere seu endereço IP com facilidade, mas muitas VPNs não funcionam com o Disney+.

As VPNs que recomendamos neste guia conseguiram evadir os sistemas de detecção de VPNs da Disney e acessaram os títulos internacionais da plataforma.

Resumo: as melhores VPNs para Disney+

Caso esteja com pouco tempo, veja nossa lista com nossas recomendações de VPNs para Disney+:

  1. Surfshark: melhor VPN para Disney+
  2. ExpressVPN: a segunda melhor para Disney+
  3. PrivadoVPN: melhor VPN grátis para Disney+

A melhor VPN para Disney+ em 2024 é a Surfshark, com uma nota de 9,5/10 nos nossos testes. Ela se destacou entre as VPNs que testamos por sempre funcionar com o Disney Plus EUA em todos os servidores VPN da rede.

Comparativo das melhores VPNs para Disney+

A tabela abaixo ajudará você a comparar as melhores VPNs para Disney+ no quesito recursos de desbloqueio, velocidades internacionais, menor preço mensal e outros critérios.

Neste guia, analisamos em detalhe as melhores VPNs para Disney+, mostramos como usá-las e explicamos o que fazer caso sua VPN não esteja funcionando com o Disney+.

Por que confiar no Top10VPN.com?

Somos completamente independentes e avaliamos VPNs desde 2016. Nossas notas são calculadas a partir de testes próprios, sem a influência de incentivos financeiros. Saiba quem somos e como testamos VPNs.

VPNs avaliadas65
VPNs que funcionam com o Disney+33
Plataformas/dispositivos de testeWindows, Mac, Fire TV, iPhone, Android, Apple TV e PS5

As melhores VPNs que desbloqueiam o Disney Plus

Nem todas as VPNs funcionam com o Disney+. Algumas VPNs ativam códigos de erro e geram problemas de conexão. A seguinte mensagem pode aparecer: “não foi possível conectar você ao Disney+.”

As melhores VPNs para Disney Plus contornam os bloqueios geográficos continuamente, evitam códigos de erro e oferecem uma experiência perfeita aos espectadores.

Testamos 65 para encontrar as VPNs para Disney Plus mais estáveis e sem nenhum bug. Entre as 33 VPNs que funcionaram, listamos aqui as melhores:

1. Surfshark: a melhor VPN para Disney+

Prós Contras
Desbloqueia o Disney+ EUA em todos os servidores Alguns servidores demoram a se conectar
Uma das melhores VPNs baratas Sem proteção contra vazamentos de IPv6
Recurso Smart DNS excelente
Velocidades internacionais altas para um streaming sem interrupções
Chat ao vivo 24h prestativo
Aplicativos para dispositivos populares, como o Fire TV Stick

Nossa nota para Disney+ é calculada a partir das notas de categorias acima. Para saber mais, leia nossa metodologia de testes para VPNs para Disney+.

Nota geral para Disney+: 9,5/10

Desbloqueia o Disney+: 9,9/109.9

Desbloqueia o Disney+ Star: 9,8/109.8

Velocidade: 9,1/109,1

Compatibilidade com dispositivos de streaming: 8.9/108.9

A Surfshark é uma excelente VPN para streaming como um todo, e é a VPN melhor avaliada para Disney Plus desde que o serviço foi lançado.

Impressionantemente, a Surfshark desbloqueia o Disney+ em todos os servidores da rede. Foi fácil superar os bloqueios geográficos do Disney Plus em todas as tentativas e conseguimos acessar dos Estados Unidos a rede internacional Star sem nenhum problema.

Desbloqueamos o Disney+ em todos os servidores da Surfshark.

A qualidade de imagem foi ótima, graças as altas velocidades de streaming da VPN. Em nenhum conteúdo assistido tivemos problemas com buffering, nem imagem embaçada, algo que experienciamos com VPNs mais lentas.

Você só terá problemas com a Surfshark se estiver em uma conexão IPv6. Como não oferece um bloqueio para (ou compatibilidade com) o IPv6, a VPN vaza sua localização IP real e não desbloqueia conteúdo restrito geograficamente.

Ao contrário da ExpressVPN, a Surfshark não tem um limite para dispositivo. Ou seja, você pode usar a VPN em quantos dispositivos quiser com a mesma conta. Você também não encontra o Código de erro 83, relacionado a problemas de compatibilidade com dispositivos.

Essa política de dispositivos é aprimorada pela compatibilidade da Surfshark com um bom número de dispositivos.

Além de aplicativos amigáveis para Windows, macOS, iOS, Android e Fire TV, também oferece uma funcionalidade Smart DNS para consoles de jogos, com a possibilidade de configurar a VPN no seu roteador doméstico.

Aplicativo para Fire OS da Surfshark

A tela de início do aplicativo da Surfshark para Fire TV.

O serviço Smart DNS da Surfshark funcionou bem no Disney+ nos nossos testes no PS5 e no Xbox. Descrevemos como configurá-lo no nosso guia de VPNs para HBO Max, outro serviço que a Surfshark acessa bem.

Na nossa opinião, a Surfshark é especialmente adequada para iniciantes por oferecer aplicativos fáceis de usar e preços acessíveis.

O serviço custa apenas R$ 11,88 ao mês em um plano de dois anos, em comparação à ExpressVPN, que custa R$ 34,46 por mês no plano de 15 meses.

2. ExpressVPN: segunda melhor para Disney+

Prós Contras
Altíssimas velocidades de internet É uma das VPNs mais caras
Aplicativos para todos os dispositivos compatíveis com o Disney Plus Limite de dispositivos menor que o da Surfshark
Sem aplicativo nativo para Apple TV Diversos endereços IP da VPN ativam CAPTCHAs em ferramentas de busca
MediaStreamer (Smart DNS) desbloqueia o Disney+ com eficácia
Excelente suporte por chat ao vivo 24h
Inclui proteção contra vazamento de IPv6

Nossa nota para Disney+ é calculada a partir das notas de categorias acima. Para saber mais, leia nossa metodologia de testes para VPNs para Disney+.

Nota geral para Disney+: 9,3/10

Desbloqueia o Disney+: 9,0/109.0

Desbloqueia o Disney+ Star: 9,8/109.8

Velocidade: 9,7/109,7

Compatibilidade com dispositivos de streaming: 9.3/109.3

A ExpressVPN desbloqueou todos os catálogos disponíveis do Disney+ e o hub de conteúdo Star nos nossos testes.

Acessamos o Disney+ e o hub Star com a ExpressVPN.

A ExpressVPN é uma das VPNs mais rápidas e mais seguras que já testamos. É a melhor VPN de 2024, graças a sua ampla rede de 3.000 servidores e ao MediaStreamer, sua excelente ferramenta de Smart DNS.

Similarmente à Surfshark, a ExpressVPN é excepcional para desbloquear o Disney+ nos servidores VPN nos EUA. A VPN nunca falhou e sempre tivemos uma experiência de streaming ininterrupta com vídeo de boa definição.

Os servidores nos EUA da ExpressVPN estão localizados nos estados a seguir:

  • Arizona
  • Califórnia
  • Colorado
  • Flórida
  • Geórgia
  • Illinois
  • Nova Jersey
  • Nova York
  • Texas
  • Utah
  • Washington

Você pode usar a ExpressVPN em até oito dispositivos ao mesmo tempo. Não é uma oferta tão generosa quanto a da Surfshark, que conta com conexões simultâneas ilimitadas, mas no geral, é o suficiente para a maioria dos usuários.

Também achamos a Surfshark mais fácil de usar. As interfaces dos aplicativos são bem projetadas sem muitas diferenças entre as plataformas.

A ExpressVPN é especialmente boa para desbloquear o aplicativo Disney+ em smartphones. Os aplicativos móveis da VPN são altamente intuitivos e a conexão às localizações de servidor VPN, até mesmo as distantes, é quase instantânea.

Aplicativos iOS e Android da ExpressVPN lado a lado

O aplicativo Android (direita) inclui mais informações que o para iOS (esquerda).

Se um servidor VPN for bloqueado pelo Disney+, algo extremamente raro, você pode entrar em contato com a equipe de suporte da ExpressVPN por meio do chat ao vivo 24h. Os agentes de suporte da empresa são bem preparados e informam rapidamente quais servidores estão funcionando.

A principal desvantagem da ExpressVPN é o preço: R$ 34,46 por mês no plano mais barato. É uma VPN excelente com desempenho superior ao da Surfshark em diversos aspectos, mas pode ser cara demais caso só precise de uma VPN para desbloquear o Disney+.

3. PrivadoVPN Grátis: melhor VPN grátis para Disney+

Prós Contras
Acesso estável ao Disney+ Limite de 10 GB mensais
Velocidades altíssimas nos EUA Smart DNS para consoles de jogos

Nossa nota para Disney+ é calculada a partir das notas de categorias acima. Para saber mais, leia nossa metodologia de testes para VPNs para Disney+.

Nota geral para Disney+: 7,5/10

Desbloqueia o Disney+: 7,0/107.0

Desbloqueia o Disney+ Star: 6,8/106.8

Velocidade: 9,3/109.3

Compatibilidade com dispositivos de streaming: 7.5/107.5

A versão gratuita do PrivadoVPN é, de longe, a melhor VPN grátis para assistir ao Disney+, em especial o catálogo dos EUA.

A VPN teve um desempenho excepcionalmente bom para uma VPN grátis, com velocidades internacionais excelentes e acesso estável ao Disney+ americano.

O PrivadoVPN Grátis desbloqueia o Disney+ em todos os servidores gratuitos.

Infelizmente, o software gratuito do PrivadoVPN conta com limitações significativas, que restringem o uso dele com o Disney+.

A principal desvantagem da VPN grátis é o limite mensal de 10 GB, equivalente a cerca de quatro horas de streaming em HD.

Em resumo, o PrivadoVPN Grátis funciona bem para assistir ao conteúdo Disney+ de vez em quando, mas caso queira assistir a mais de quatro horas de conteúdo por mês, precisa adquirir uma VPN paga.

O que fazer se sua VPN não funciona com o Disney+

No lançamento do serviço de streaming da empresa, a Disney alegou ser “à prova de VPNs”. Não é verdade, mas a Disney realmente tenta detectar e bloquear endereços IP associados a VPNs.

Caso ela detecte sua VPN, você verá a mensagem “Serviço indisponível. O Disney+ não está indisponível para a sua região.”

O Disney+ tenta detectar e bloquear VPNs.

Se aparecer um código de erro ou mensagem ao usar uma VPN, há diversas soluções possíveis. Começaremos com a mais simples:

1. Obtenha uma VPN melhor para assistir ao Disney Plus

Frequentemente, o Disney Plus apresenta problemas porque você está usando a VPN errada. A verdade é que várias VPNs não funcionam com o Disney Plus.

Algumas empresas de VPNs não priorizam o desbloqueio de serviços de streaming e outras não contam com a tecnologia ou recursos para contornar restrições geográficas mais agressivas.

A maneira mais eficaz de desbloquear o Disney Plus é obter uma VPN que funcione bem, com histórico de acesso estável ao serviço.

Nossos testes demonstraram que a Surfshark é a melhor VPN para assistir ao Disney Plus. Ela é estável, oferece um Smart DNS intuitivo, suporte ao cliente prestativo e bom custo-benefício.

2. Troque de servidor VPN

Caso já esteja usando uma boa VPN para Disney+, trocar de servidor é uma maneira rápida e fácil de resolver um problema de conexão ao Disney+.

O Disney+ tenta detectar e banir conexões VPN. Sendo assim, passar para um servidor não detectado pode solucionar o problema.

Não há como saber qual servidor irá ou não funcionar, então pode levar algumas tentativas.

Boas VPNs conseguem contornar os bloqueios regionais de streaming ao oferecer milhares de servidores atualizados, projetados para evitar detecção. A Surfshark, por exemplo, consegue evitar os bloqueios do Disney Plus em todos os servidores que disponibiliza.

3. Limpe os cookies e cache do navegador

Sites por vezes coletam dados por meio de cookies e arquivos em cache. Caso apareça um código de erro enquanto usa o Disney Plus, como o Código de Erro 22 ou 31, é possível que o serviço tenha detectado a sua geolocalização real a partir desses identificadores web.

Conectar-se a um servidor VPN não remove os cookies. Você precisa deletá-los do seu navegador.

Veja como limpar o seu cache no Google Chrome:

  1. Abra o Google Chrome. Clique no ícone de três pontos no canto superior direito da janela.
  2. Selecione Mais Ferramentas > Limpar dados de navegação e, no menu suspenso, selecione Todo o período.
  3. Marque Cookies e outros dados do site e Imagens e arquivos armazenados em cache.
  4. Clique em Remover dados.
  5. Reinicie o Google Chrome e acesse o site do Disney+.

Como limpar cookies e cache no Safari:

  1. Abra o Safari. Vá até o menu do Safari e clique em Preferências.
  2. Clique na aba Privacidade > Gerenciar Dados de Sites.
  3. Digite Disney na barra de buscas, selecione o site e clique em Remover.
  4. Reinicie o Safari e acesse o site do Disney+.

Você pode limpar os seus cookies e cache do Disney Plus alterando suas preferências no Safari.

Caso esteja assistindo ao Disney Plus no Android ou iOS, você precisa reiniciar seu dispositivo móvel para limpar seus cookies e cache.

Outra opção é abrir o modo anônimo do seu navegador, que oferece uma janela de navegação privada que remove a maioria das formas de rastreamento online.

4. Veja se há vazamentos de IP e DNS

O Disney Plus não funcionará se a sua VPN estiver vazando dados.

Por vezes solicitações de DNS e endereços IP reais saem da conexão criptografada da VPN, revelando sua localização verdadeira e ativando o Código de Erro 22 ou 73 do Disney Plus.

Isso ocorre com frequência com VPNs grátis. As melhores VPNs contam com uma proteção integrada contra vazamentos.

Você pode verificar se sua VPN está funcionando com uma ferramenta de teste de vazamento.

Você pode limpar os seus cookies e cache do Disney Plus, alterando suas preferências no Safari.

Caso sua VPN esteja vazando, verifique se há recursos de proteção contra vazamentos nas configurações da sua VPN e consulte o provedor para saber quais são suas opções. Outra opção que sugerimos é usar outra VPN, mais segura.

5. Reinicie o seu dispositivo e roteador

É uma solução simples, mas ainda uma das mais eficazes: reiniciar o seu dispositivo Disney Plus e o roteador/modem pode resolver erros do Disney Plus, em especial, problemas de acesso e o código de erro 83.

Pode também ajudar a melhorar a sua conexão de internet, garantindo as melhores velocidades para streaming.

6. Entre em contato com o suporte da VPN

Uma das maneiras mais rápidas de solucionar um problema com a sua VPN para Disney Plus é entrar em contato com a equipe de suporte dela.

Um agente de suporte pode recomendar os melhores servidores VPN para acessar o Disney Plus ou informar se o serviço está com algum problema técnico.

A maioria das melhores VPNs tem suporte por chat ao vivo 24h, a forma mais fácil de obter ajuda.

No vídeo abaixo, entramos em contato com um agente de suporte da Surfshark, que rapidamente nos recomendou diversos servidores para assistir ao Disney+ EUA.

Agentes de suporte no chat ao vivo podem ajudar você a encontrar o melhor servidor VPN para Disney+.

7. Desative as conexões IPv6

O IPv6 ainda não é compatível com a maioria das VPNs. Caso seu roteador use um endereço IPv6, sua localização real pode acabar sendo revelada, fazendo com que o Disney Plus ofereça a você o catálogo da sua região de origem.

Você pode verificar se seu IP está vazando com a nossa ferramenta de teste de vazamento de IPv6.

Um número seleto de VPNs bloqueiam o tráfego de IPv6 para evitar problemas do gênero, como a ExpressVPN, mas uma solução permanente para vazamentos IPv6 é desativar esse tipo de endereço no seu dispositivo.

Como desativar o IPv6 no Windows:

  1. Abra as configurações de Rede e internet.
  2. Selecione Central de rede e compartilhamento > Propriedades.
  3. Desmarque Protocolo IP Versão 6 (TCP/IPv6).

Como desativar o IPv6 no Mac:

  1. Abra Preferências do Sistema e clique em Rede.
  2. Clique em Avançado no canto inferior direito. Clique na aba TCP/IP.
  3. Clique no menu suspenso próximo a Configurar IPv6 e selecione Desativado.
  4. Clique em OK e em Aplicar.

Você pode desativar conexões IPv6 no macOS nas configurações de Rede.

8. Use um Smart DNS

O Smart DNS é uma ferramenta útil para quem quer assistir ao Disney Plus fora das regiões permitidas. Ele roteia sua conexão de internet por meio de um servidor DNS proxy, permitindo que você acesse o Disney Plus de qualquer lugar sem precisar se conectar a um servidor VPN.

VPNs como a Surfshark e a NordVPN oferecem serviços de Smart DNS. Como você está alterando suas configurações DNS, o Smart DNS permite que você assista facilmente ao Disney Plus em dispositivos para telas maiores, como Smart TVs, Amazon Fire TV, Apple TV e consoles de jogos.

Todas as VPNs que recomendamos oferecem ferramentas de Smart DNS de qualidade, fáceis de configurar.

Como usar uma VPN com o Disney+

Mesmo que esteja em um país onde o Disney+ está disponível, o serviço ainda impõe bloqueios regionais.

Ou seja, a sua localização determina o conteúdo que você pode assistir. Por exemplo, no Canadá e na Austrália não é possível acessar a conteúdo FX no Disney Plus.

Além disso, o Disney+ Hotstar na Índia oferece um catálogo muito mais amplo de conteúdo, indisponível nos EUA.

Veja no vídeo abaixo como usamos a Surfshark para acessar o filme Vestida para Casar, disponível no catálogo do Reino Unido do Disney Plus, mas não no dos EUA.

As diferenças nos catálogos do Disney+ resultam de acordos de licenciamento que a Disney tem com outros sites de streaming.

Após identificar onde o conteúdo faltante está disponível, pode assisti-lo ao conectar sua VPN a um servidor nessa localização.

A maior diferença é a central de conteúdo Star, indisponível na maior parte do mundo, incluindo nos EUA.

Importante ressaltar que caso já seja assinante do Disney+ e esteja viajando, o Disney+ detecta automaticamente que está em outro país e apresenta o conteúdo local.

Nesse caso, você não precisa de uma VPN para assistir a conteúdo internacional.

Na verdade, o Disney Plus detecta automaticamente a sua localização e oferece conteúdo da região local.

CONSELHO DE MESTRE: caso esteja nos EUA, pode usar uma VPN para se conectar a outro país e acessar o conteúdo da Star. A Star inclui conteúdo da ABC, 20th Century Studios e FX, não disponível para clientes Disney+ nos EUA.

VPNs não recomendadas para Disney+

Nem todas as VPNs, incluindo algumas populares, conseguem contornar os métodos de detecção de proxy e VPN do Disney Plus.

Após testarmos 65 VPNs com o Disney Plus, identificamos apenas 33 que funcionam no momento.

Dessas 33, várias não funcionaram muito bem, especialmente em certos dispositivos de streaming, como Firesticks, Apple TVs e consoles de jogos.

A tabela abaixo mostra os resultados dos testes de acesso ao Disney+ que realizamos com um grupo de VPNs populares:

VPNs populares que não funcionam com o Disney+

Segundo os nossos testes de streaming mais recentes, verificamos que as VPNs abaixo ainda não funcionam com o Disney+:

  • Astrill
  • Avast VPN
  • Avira VPN
  • Betternet
  • Hola VPN Grátis
  • Mullvad
  • Norton VPN
  • PIA VPN
  • PureVPN
  • TunnelBear

Caso queira saber se uma VPN específica desbloqueia o Disney+, envie um e-mail para ola@top10vpn.com, e iremos verificar.

Como assistir ao Disney+ Star dos EUA

Em fevereiro de 2021, o Disney+ adicionou a central de conteúdo Star na Australásia, Canadá, Europa e no Reino Unido. É uma versão internacional do Hulu.

 

Logotipo do Disney+

 

O Disney+ Star conta com centenas de filmes e séries novos para um público mais adulto. A maioria do conteúdo vem dos estúdios 20th Century Studios, FX, ABC e Searchlight Pictures.

Nos EUA, o conteúdo Star está disponível apenas com uma assinatura Hulu. Você pode adquirir um plano do Hulu separadamente ou como parte de uma oferta conjunta com o Disney Plus. Infelizmente, é mais caro que adquirir uma assinatura padrão do Disney+.

Nas regiões onde a Star está disponível, o acesso é livre e faz parte do plano comum.

Ao trocar a localização de endereços IP para uma região com a Star, uma VPN permite que usuários nos EUA consigam acessar a Star/Hulu sem pagar a mais.

O vídeo abaixo demonstra como é fácil acessar o Disney+ Star dos EUA ao se conectar a um servidor VPN do Reino Unido:

Você pode acessar a Star no Disney+ mesmo estando nos EUA ao obter um endereço IP europeu ou do Reino Unido.

Como assinar o Disney+ de qualquer país

Como já mencionamos, você precisa de uma VPN para assistir ao Disney+ em um país que ainda não conta com o serviço.

Caso ainda não seja assinante Disney+, precisa criar uma conta no serviço usando uma forma de pagamento registrada em um país em que o serviço foi lançado.

Não se preocupe caso não tenha um modo de pagamento internacional, você ainda pode obter o Disney+ com um cartão-presente da Apple Store ou da Google Play.

As instruções abaixo explicam como assinar o Disney+ EUA, mas essa abordagem também funciona para outros países.

Método 1: use um cartão-presente da Apple Store

  1. No seu dispositivo iOS, vá para Ajustes > Apple ID e saia da sua conta Apple ID. A opção de Finalizar sessão fica ao fim da página Apple ID.
  2. Você precisa criar um Apple ID completamente novo. Vá para a App Store e clique em Conta. Toque em Criar Novo Apple ID.

    “Criar Novo Apple ID” se encontra em “Conta” na App Store.

  3. Digite seu endereço de e-mail e gere uma senha segura. Você também irá precisar alterar o país listado. Toque onde seu país está listado.

    Você precisa alterar o seu país ao criar um novo Apple ID.

  4. Defina seu País ou Região como os Estados Unidos, ou qualquer outro país com acesso ao Disney+.

    Selecione os EUA ou qualquer outra região que tenha acesso ao Disney+.

  5. Ao finalizar esse processo, você deve inserir os dados de pagamento para o país selecionado. Selecione Nenhum e insira qualquer endereço nos EUA.

    Não insira dados de pagamento e adicione qualquer endereço nos EUA.

  6. Um código de verificação será enviado ao e-mail utilizado na criação da conta. Insira o código quando solicitado para confirmar a criação da sua nova conta Apple ID.
  7. Você não poderá adicionar crédito ao seu Apple ID sem uma forma de pagamento estrangeira, por isso, vai precisar de um cartão-presente da App Store & iTunes. Conecte sua VPN aos EUA e vá para o site da Apple Store. Busque no site dos EUA por Apple Store Gift Cards e selecione Email a gift card para adquirir um cartão-presente e enviá-lo por e-mail.

    Você pode adquirir um cartão-presente pelo site da Apple.

  8. Insira um valor suficiente para adquirir o plano desejado do Disney Plus e envie o cartão para o e-mail usado para criar sua nova conta Apple ID.

    Insira a quantidade certa para adquirir uma assinatura do Disney+.

  9. Após receber o e-mail com o cartão-presente em anexo, vá para a App Store e selecione Resgatar Cartão Presente ou Código.

    A opção Resgatar Cartão Presente ou Código aparece após você criar uma nova conta.

  10. Toque em Inserir código manualmente e digite o código. Feito isso, o cartão-presente será adicionado à sua conta.

    Insira o código do cartão-presente manualmente após recebê-lo por e-mail.

  11. Retorne à App Store, baixe o aplicativo do Disney+ e crie uma conta.

    O Disney+ tem dois planos de assinatura.

  12. O Disney+ irá processar o pagamento automaticamente com o crédito do cartão-presente. Feito isso, você conseguirá acessar o serviço em qualquer dispositivo com os mesmo dados de conta e assistir ao Disney+ de qualquer lugar.

    Você pode usar suas informações de conta para acessar o Disney+ em qualquer dispositivo compatível.

Método 2: Use um vale-presente Google Play

Caso não tenha um dispositivo Apple, você também consegue desbloquear o Disney+ em dispositivos Android que tenha acesso à Google Play Store.

  1. Use uma VPN para se conectar a um país com acesso ao Disney Plus.
  2. Em conexão ao servidor VPN, crie uma nova conta Google. Basta ir ao menu Configurações no seu dispositivo.
  3. Role a tela para baixo e toque em Google. Depois, selecione a pequena seta ao lado da sua conta atual.
  4. Você verá a opção de Adicionar outra conta. Toque nela e insira os dados solicitados para criar uma nova conta Google.
  5. Depois, adquira um vale-presente Google Play, que dará a você crédito na moeda local, já que moedas estrangeiras não serão aceitas. Por exemplo, caso esteja usando uma VPN para se conectar ao Reino Unido, vai precisar de um vale-presente em libras esterlinas. O vale-presente pode ser comprado em um site local, como o Amazon.co.uk.
  6. Você receberá o código por e-mail. Basta clicar no link incluso no e-mail ou inserir o código na Google Play Store para resgatá-lo.
  7. Não se preocupe quando for solicitado um código postal válido, já que a Google não verifica se esse é realmente o local onde você mora. Apenas pesquise um no Google Maps, já que qualquer código postal válido serve.
  8. Com a sua nova conta na Play Store e depois de resgatar seu vale-presente, encontre, instale e acesse o aplicativo do Disney Plus.
  9. Escolha pagar o Disney Plus com o saldo da sua conta do Google EUA e entre no serviço.

Catálogos populares do Disney Plus

Como mencionamos no início do guia, o Disney+ não disponibiliza o mesmo conteúdo em todos os catálogos. Alguns têm centenas de títulos a menos que os catálogos mais completos.

A tabela abaixo mostra a quantidade de títulos disponíveis do Disney+ em 12 catálogos regionais populares:

Região Disney+ Títulos
Filipinas 2.666
Austrália 2.633
Reino Unido 2.633
Canadá 2.545
Alemanha 2.342
Espanha 2.259
Itália 2.239
Países Baixos 2.169
França 2.008
Turquia 1.813
EUA 1.761
Coreia do Sul 1.754

Os catálogos das Filipinas, da Austrália e do Reino Unido são os mais completos, com mais de 2.600 títulos disponíveis.

Com os EUA, é o contrário. Surpreendentemente, o catálogo americano é um dos mais “pobres” em conteúdo, com quase 1.000 títulos a menos que os catálogos mencionados acima.

CONSELHO DE MESTRE: use o site www.justwatch.com para ver quais títulos estão disponíveis em quais catálogos regionais do Disney+.

Como testamos as VPNs para Disney+

Passamos 65 VPNs pelo nosso rigoroso processo de testes, focados no desbloqueio do Disney+.

Todas as VPNs para Disney+ que recomendamos nessa página foram extremamente bem nos nossos testes de streaming. Elas contornaram os bloqueios geográficos do Disney Plus com facilidade e estabilidade.

A tabela abaixo mostra como as três VPNs recomendadas para desbloquear o Disney+ se saíram nas nossas principais categorias de teste:

Além do acesso ao Disney Plus, também testamos o desbloqueio do Disney+ Star, a versão do Hulu para fora dos EUA.

Depois de verificarmos se uma VPN consegue desbloquear o Disney+, testamos as velocidades internacionais da VPN.

Também analisamos a compatibilidade da VPN com dispositivos de streaming. Entre eles temos o Fire TV Stick, Apple TV e consoles de jogos.

A eficácia de um aplicativo nativo para Fire TV Stick e do Smart DNS, assim como a compatibilidade com roteadores, são elementos-chave da nossa análise.

Um Smart DNS e compatibilidade com roteadores são particularmente importantes porque permitem um usar a VPN facilmente em dispositivos que não suportam esse tipo de aplicativo.

Por fim, verificamos se o suporte ao cliente da VPN tem um bom conhecimento sobre o desbloqueio do Disney+.

Abaixo listamos os pesos de cada categoria específica que testamos, que servem de base para os cálculos da nossa nota geral para Disney+.

  • Acesso estável ao Disney+: 40%
  • Acesso estável ao Disney+ Star: 20%
  • Velocidade: 20%
  • Compatibilidade com dispositivos de streaming: 20%